30/10/2008

O mundo é um lugar curioso. Agora essa polarização mundial Obama x McCain. E, no Brasil, as pessoas nem lembram em quem votaram para vereador no mês passado e vestem camiseta pró-Obama. Ou pró-McCain, não vem ao caso. A maioria nunca foi nem irá comer hot-dog no Central Park e acredita que uma coisa ou outra coisa é a melhor para o mundo, ou seja, Ustates e adjacências. Em Teresina, ressurgiram dinossauros que pareciam extintos e nasceram filhotes de dinossauros de ovos paridos no calor e apregoa-se, aos três cantos e mais o Rio Parnaíba, que houve uma renovação. Fake. Gabeira perdeu. Kassab ganhou. E, Brasil afora, todo mundo sabe, chega a dar calafrios. Sim, Obama e McCain. Se McLuhan vivo estivesse, McLuhan o que diria? Vamos eleger o chefe da tribo. Porém, e sempre o há, o mundo é um sistema dinâmico aberto. Efeito borboleta, dear. Acaba que a gente toma partido, mesmo. Só não custa lembrar que Obama não é Luther King. The King não usava teleprompter. Viveu e morreu defendendo uma utopia necessária. E nem era afroamericano: era negro. Com muito orgulho, com muito amor. Há que se acreditar que "the bigdick of the world" sendo negro(afroamerican, ok), com Hussein no nome e uma consoante a lhe diferenciar do inimigo número 1 de seu país simbolize alguma coisa. Que a gente não sabe ainda muito bem o que é, e torce pra que seja muito bom. É estranho e algo passível de suspeição alguém de 46 anos ter sua autobiografia concluída. Very strange. Mas seus clipezinhos são ótimos. O que está aí embaixo é o que há de melhor na história da política contemporânea da galáxia. O cara, pelo menos, se declara pró-isso, mais ou menos pró-aquilo e, aparentemente, pró-nosotros. E “hope” é uma palavra linda, útil e que parece que fica bem na voz dele. Então, é Obama na cabeça. Oba-obama. Menos mal. Alá abençoe o planeta. A hope é a última que morre. Com o perdão dessa pequena infâmia.


Obama '08 - Vote For Hope from MC Yogi on Vimeo.

Um comentário:

itallo disse...

Que vídeo eleitoral, muito bom.
Não aguentei ver o doc de 30', acho que não entendia o inglês. xD

abraço.