12/06/2008

Pessoal,
é o seguinte:


na noite do próximo dia 19 de junho, 10 livros Coisas de Amor Largadas na Noite serão largados na noite de Teresina. Eles podem aparecer em qualquer lugar: no cinema, no banco da praça, no ônibus, no metrô, na mesa do shopping, na boate, em um carrinho de supermercado, no seu restaurante preferido, no teatro, na cantina da escola ou da Universidade. Em qualquer lugar, seja zona leste, norte ou sul, pode ser que você tropece em um Coisas de Amor Largadas na Noite.
Quem os encontrar pode fazer o que quiser com eles: guardar, levar para casa, dar de presente para alguém. Não importa. Mas o ideal e a principal intenção com essa idéia é fazer com que as pessoas leiam os livros e, depois, façam a mesma coisa: deixá-los largados em algum lugar, para que outra pessoa possa ler. Isso se chama crossbooking e, pela primeira vez (ao menos até onde se sabe), será realizado em Teresina. Espero que, a partir desta iniciativa, outras pessoas, autores ou não, façam algo parecido.

No verso de cada livro haverá um adesivo, falando sobre a idéia e com espaço para que se preencha com um nome e, se possível, um endereço de e-mail. Para que as pessoas que leram o livro possam se comunicar, se conhecer, e os seguintes verem por quem e por quantas pessoas o livro já passou.
Pode ser, no mínimo, divertido.

Se você puder divulgar, agradeço.
E se você por acaso encontrar um dos 10 Coisas de Amor Largadas na Noite que serão largados na noite de Teresina, passe-o adiante.
Não esqueça: os livros poderão estar em qualquer lugar, e o croosbooking começa na noite de 19 de junho.

p.s.: já recebi, por e-mail, notícias da jornalista Natacha Maranhão. Ela afirma que já participou de uma ação de crossbooking nacional aqui em Teresina, deixando três livros pela cidade. Mas parece que ela era a única. Se alguém tiver mais notícias, só mandar.

9 comentários:

Pri Rezende. disse...

Eu já recebi um, "O Poder da Cabala", aqui em BH, na porta do meu prédio. Fui a terceira pessoa a lê-lo. Havia dois comentários das pessoas que leram, e o primeiro era assim: "Alô amigão (amigona), que me acolhe carinhosamente. Teremos bons momentos juntos: cuido de você, do seu astral, e você cuida de mim. Detesto estantes e gavetas. Adoro o contato com os humanos. Assim, ao terminar a leitura, libere-me para qye outra pessoa desfrute de mim e eu dela." Aqui em BH tem muito isso. Mas o meu "Coisas" eu não divido com ninguém.

Dani S. disse...

Recado Sendo Repassado. Adorei Esse Crossbooking!

Maya disse...

larga um perto da minha casa, pro rumo da novafapi, larga... :)

Anônimo disse...

genial!!!!
=]

[se quiser eu largo um l� pela mercearia. quinta-feira discoteco l� a partir das 00h... se quiser � s� dar um toque.]

Mari Arraes disse...

se quiser eu largo um lá pela mercearia. quinta-feira, dia 19/06, vou discotecar lá, a partir das 00h. qq coisa é só dar um toque.

bjs!! recado devidamente repassado no meu bulógue.

Saramar disse...

Bem que eu queria morar aí para participar desta experiência duplamente prazerosa.
Desejo-lhe sucesso!

beijos

Cacau disse...

A idéia é ótima. Participei de algo mais restrito, porém com o mesmo foco de passar livros adiante, em clube de leitura aqui em Teresina, eu era criança ainda e no fim das contas não sei o que houve com o clube. Desejo muito topar com o seu livro por aí.

Samuel Otávio disse...

A idéia é massa! Fiquei ansioso! Vou ao cinema, ver se encontro algum por lá! Hhehehe.

Ioneide Santos disse...

E nesse dia não topei em nenhum Coisas...Estava atarefada com leituras por mestrado e só via um livro na minha frente: Pedagogia Profana , de Jorge Larrosa.Ainda não pude ir a uma livraria comprar seu livro,mas vou é só eu entrar de férias -deve ser essa semana -que eu vou buscar o meu exemplar numa livraria.Onde eu encontro pra comprar?