15/05/2007

Miniconto um tanto quanto esperançoso sobre o amor e as coisas desse mundo

Era uma vez dois olhares tristes que se encontraram, se olharam, se choraram, piscaram um para o outro e se sorriram, e se amaram e viveram tão juntinhos um do outro que, um belo dia, se apagaram ao mesmo tempo, para nunca precisarem cumprir a promessa de viverem juntos para sempre até que a morte os separasse.

Um comentário:

dits-dits-dits disse...

Será que algum dos dois brilhou sem querer pra ver se achava o outro de novo? :)
Lindo!